Shoreditchin’

image

Desde que Liverpool Street passou a ser a minha estação de baldeação entre TFL Rail e Underground eu tenho passado mais tempo conhecendo melhor esse pedacinho colorido e alternativo da cidade.

image

image

“Se eu fosse maior eu te destroçaria” HAHAHA gatos. ♥

image

Obrigatória foto de pé para mostrar o chão bacana:

image

Books ♥:

image

image

“Aprenda a arte perdida de fazer sentido”

image

E essas edições da Pulp? Clássicos com capas retrôs, quero todas:

image

A de Pride and Prejudice: “tranque suas filhas, Mr. Darcy está na área!” ilustrada por um Colin Firth fumante e com cara de latin lover. ♥ (necessito um pôster disso)

Não pode faltar bolo; esse aqui é do Kahaila Café em Brick Lane; ali quase ao lado do Cereal Killer.

image

A cara ótima dos bolos coloridos na vitrine me seduziu. ♥ Pedi esse de framboesa com cobertura/recheio de buttercream e framboesas desidratadas e não me decepcionei. Minha amiga disse que o cupcake de red velvet dela foi um dos melhores que ela provou em Londres até hoje (wow, segura essa, Mary Berry!).

Na parte de trás tem uma área grande cheia de mesas e com wi-fi decente. Muitas das mesas eram “comunais”, o que não é exatamente a minha praia mas não me importou no dia. Todo mundo estava apenas se divertindo, papeando ou usando os laptops, e a atmosfera era agradável e relaxante; um monte de hipsters pra quem curte um people watching. O café é uma caridade registrada e seu dinheiro beneficia a comunidade local; naquela semana o projeto escolhido trabalhava com detentas a fim de orientá-las e reinseri-las no mercado de trabalho.

image

A única parte desagradável foi o café. Pedi um americano e fui obrigada a desistir dele. MUITO amargo, nenhuma quantidade de leite foi capaz de salvar. Em Londres as pessoas aqui acham que café forte = amargo, o que não procede (e não acontece em outros países com tradição na bebida, como França ou na Itália). Da próxima vez peço chá. Outra opção são as sodas e os sucos de frutas que estavam com uma cara bem boa. :)

Finalizando, pint no Ten Bells ali pertinho – esse é o pub conhecido pela sua associação com os crimes do Jack the Ripper; uma das suas vítimas tomou ali sua última cervejinha, e a outra se prostituía na calçada. Por muito tempo o pub levou o nome de “Jack The Ripper” e exibiu uma decoração temática, mas a organização contra a violência sexual Reclaim the Night pediu que o nome fosse alterado e a memorabilia removida, por acreditar que um assassino de mulheres não deveria ter o seu nome celebrado.

image

A essência de Shoreditch?

image

Quem liga pro rock’n’roll…

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s