What didn’t kill me, it never made me stronger.

Entre o Natal e o Ano Novo fui aproveitar o segundo dias das famosas liquidações do Boxing Day (o dia 26 de Dezembro, que aqui também é feriado). Durei 45 minutos e entrei gritando de volta no metrô.

Brasil INTEIRO despejado dentro da Primark de Oxford Street. Delícia escutar os papos:

“OLHA, Adalberto, que linda essa almofada de Keep Calm and Carry On!”
“Quipe o quê?”
“Não sei, Adalberto. Pra quê você quer saber tanto detalhe??”

“Esse negócio aqui, “throw”, a gente põe em cima da cama…”
“Tipo uma colcha?”
“Não, Adalberto… Isso a gente joga por CIMA da colcha.”
“Mas se já tem a colcha, pra quê outro pano por cima?”
“Adalberto, você não entende nada. PATRÍCIA, MINHA FILHA, PEGA DOIS!” 

“E esse aqui eu vou levar pra tia Elenice…”
“O que é isso?”
“Não, sei mais é tão bonitinho… Ela gosta de coisas bonitinhas.”
“Parece um consolo de borracha…”
“Ai, é verdade!”
“Não, mãe, é um MASSAGEADOR, olha aqui na embalagem…”
“Hm, melhor não. Ela é evangélica e pode não gostar dessas coisas.” 

“Que tamanho é esse, XL?”
“X-L Bundchen, hahahaha”
“Ai, Adalberto, você e suas piadas de tio do pavê…”

E olha o que eu achei na Selfridges: vodca com escorpião.

image
image

Vai um shot aí? :)

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s