End of september.

image

it rained one afternoon while we were in NY. it was beautiful. so different to british rain. it was almost like i was back in rio. high humidity in the air, the winds “turning” before the rainfall, sitting outside at a café (under the canopy) and not feeling cold, and not minding at all the raindrops falling on me. 

i hate british rain. so cold, so endlessly dull and uneventful. it slowly saps away your will to live.

Setembro está mesmo acabando?
Olhando os folders de fotos dos anos anteriores (2008, 2009…) percebo que venho fotografando consideravelmente menos. E consideravelmente pior. Nunca tive o tal “olhar de fotógrafa”, mas acho que até a ambição de um dia vir a desenvolvê-lo se perdeu.

Não tenho mais vontade de atualizar sites. Tenho passado menos tempo online, o que é bom porque tenho lido mais e assistido filmes. A internet era um foco social que eu gostava de cultivar. Ficar menos tempo online = ter menos contato com pessoas. Isso é ruim porque a sensação de isolamento retorna, mas ao mesmo tempo me poupo de um sem número de irritações. Ler a timeline do Twitter e do Facebook, por exemplo, está beirando o insuportável. Não é todo mundo, claro. Eu poderia bloquear ou dar unfollow nos culpados, mas poupar a fadiga simplesmente deixando de frequentar esses lugares acaba sendo a escolha.

Entra um daqueles loops de preguiça e falta de foco terríveis, onde dias se passam sem que eu produza absolutamente nada. As horas não são intermináveis; elas VOAM como se eu tivesse estado ocupadíssima o dia todo, mas no final da noite não consigo me lembrar como as preenchi.

Quase outubro, quase três meses para o Natal. Christmas cakes e puddings já à venda nos supermercados, e ainda nem passamos pelo halloween. Por falar nisso, eu gostaria de passar o halloween em Jersey. Porque lá eu posso acender a minha abóbora na frente da casa em paz, sabendo que nenhum fedelho irá bater na porta perguntando “trick or treat?” (da única vez que isso aconteceu nós sequer tínhamos doces e tivemos que colocar batata frita dentro das sacolinhas, HAHAHA). Enfim, eu sempre posso acender a abóbora no jardim, longe das vistas dos capetas, fadas, bruxas e esqueletos – ah, a falta de imaginação dos ingleses na hora de celebrar esse feriado que os yankees, mesmo tendo copiado deles, fazem muito melhor.

Talvez seja apenas uma desculpa inconsciente para poder passar uns dias em Jersey porque estou com saudades do meu sofá, da minha geladeira e do meu quintal. E das gaivotas, e de tomar café no Hungry Man, e de andar até Rozel, e das folhas de outono, e de passear de carro com as meninas, e de almoçar no Bass & Lobster, e de comer bolo no Poplars e ir ao cinema no Waterfront.

Porque tudo são apenas formas diferentes de tédio.

Vai ter heatwave no fim de semana.

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s