O mundo é dos sem noção.

Os sem noção são foda. Eles não entendem problemas da vida real, pessoas da vida real, porque eles vivem num mundo à parte – o mundo dos sem noção.

Eles não conseguem admitir que alguém possa estar querendo sumir e, no instante seguinte, um balde de pipoca com manteiga. E quando acham que você está fodida te mandam textos de auto-ajuda por email, acreditando que vão te fazer enxergar o mundo com outros olhos, que sua vida jamais será a mesma depois de assistir slides de powerpoint com fotos de bebês ou bichinhos servindo de background para mensagens edificantes. E oh, como eles têm A Visão, e souberam te enviar aquele lixo no momento certo. Haja perspicácia e senso de superioridade.

Essas coisinhas bonitinhas são escritas para pessoas ideais em condições ideais, tipo aquelas leis de física que não se aplicam realmente na prática. As pessoas da vida real não se comportam feito personagens de livros de auto-ajuda. Elas têm problemas reais em seus mundos reais, feitos de pedra, fumaça, suor e gente.

E é por isso que eu tenho essa preguiça de paulos coelhos, laires ribeiros e artures das távolas. E de quem repassa esse tipo de email. Esse sentimento de superioridade em frente à desgraça do outro. Como o camarada que polui o ar com o escapamento do carro a semana toda no trânsito, e no fim de semana come alimentos orgânicos e lava a louça com detergente biodegradável, crente que está fazendo a parte dele pra salvar o planeta. Ou o McDonald’s, que vende a preço exorbitante aquela comida cheia de gordura, açúcar e sal, veneno dentro de caixinhas de papelão colorido, e depois promove o tal McDia feliz pra ajudar crianças com câncer. Pra limpar a consciência? Quem dera. Na verdade eles faturam nesse dia, porque ninguém vai pra lá só pra comer big mac (o lucro da batatinha, o refrigerante e o sundae vão pra empresa).

Mas nem sei pra que falar nisso. Que se dane. Mas se você achar que eu estou mal algum dia desses, sei lá, diga um “sinto muito, posso ajudar?” ou “Vá se foder”. Qualquer coisa é mais sincera do que me mandar um texto edificante.

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s